Do asfalto para os oceanos - digam olá ao futuro "Tecnomar for Lamborghini 63"

A Lamborghini já bem que nos habituou à velocidade dominante no asfalto, mas agora decidiu estender a sua aptidão para a velocidade para além da pista e já começou a dominar os mares.

 

A espetacular colaboração entre duas das melhores empresas exportadoras de Itália, a Automobile Lamborghini e a Tecnomar que pertence ao Italian Sea Group, irá ter como resultado final um iate com 63 pés de comprimento de edição limitada que é essencialmente um super carro na água.

 

Denominado de 'Tecnomar for Lamborghini 63' em honra ao ano de 1963 - que foi exatamente  o ano em que a Lamborghini foi fundada - este espantoso barco faz jus ao seu super carro homónimo ao ser capaz de atingir uma velocidades de até 111 km / h, o que é considerado bem empolgante para uma lancha deste tamanho.

Os extensos arquivos da Lamborghini significavam que o 63 tinha muito em que se inspirar, mas no final foram dois, os carros futuristas selecionados: o Sián FKP 37, o primeiro super carro híbrido da Lamborghini a usar tecnologias de supercapacitores e o Terzo Millennio, com um conceito totalmente elétrico. Ambos os carros são igualmente fora deste mundo, e as suas linhas angulares foram então aplicadas ao casco e à capota do iate para uma maior aerodinâmica e desempenho - até o arco ostenta as mesmas luzes dianteiras em forma de Y destes dois carrões. Tal como um pequeno ovo de páscoa para os fãs, a Lamborghini também surpreendeu ao incorporar referências subtis ao Miura e ao Countach.

Os materiais de alto desempenho também foram essenciais, e o resultado é um iate que pesa apenas 24 toneladas, graças à experiência do fabricante de automóveis em componentes leves e de velocidade, como a fibra de carbono. Mesmo assim, não foi um passeio no parque para as duas marcas. A engenharia para o alto mar segue um conjunto diferente de regras; portanto, empregar a linguagem de design de um carro era um grande desafio a ser superado.

 

Obviamente, os direitos de se gabarem de possuir um super-iate com o emblema do Touro Indomável só poderiam ser tornado possíveis para quem já tem um Aventador ou Huracan. O programa Ad Personam da Lamborghini está então disponível para garantir que as mesmas cores e materiais dos carros dos proprietários sejam aplicados ao iate.

A experiência de condução estende-se à cabine piloto do estilo automóvel, o que é bem visível em todos os sistemas de navegação e monitoramento que são totalmente integrados com fibra de carbono e pele de carbono. Até o capitão tem um assento de piloto automóvel ao volante, com o mesmo botão 'Iniciar / Parar’ dos carros, só que desta vez aciona os dois motores a diesel MAN V12 de 2.000 hp em vez dos V12 de 6,5 litros.

 

Com um preço afixado nos 3 milhões de euros, só apenas 63 irão ser produzidos, e a primeira da série de edições limitadas será lançada já no início do próximo ano. Para mais informação poderão sempre fazer uma visita ao site da Lamborghini para se deliciarem com ainda mais pormenores deste futuro fenómeno dos mares.

Texto: Exposer Magazine 

Fotografia: getty images